Clube de Pádel

Lisboa, Portugal

Localizada dentro do perímetro urbano de Oeiras e Lisboa, esta parcela única, dispõe de um enquadramento paisagístico de grande interesse com vistas ao Rio Tejo.

A implantação do complexo foi objeto de uma análise cuidadosa de forma a preservar ao máximo a características topográficas e naturais existentes, evitando extração de terras do local, respeitando os limites impostos pelas servidões de rede elétrica e abastecimento de água. A lógica deste projeto assenta na implantação de um edifício moderno compatível com realidade paisagística existente.

Os pavilhões esportivos foram localizados numa posição estratégica de forma a evitar interferências nos limites das servidões e ao mesmo tempo potencializar a interação com as áreas externas. Para a viabilidade do empreendimento foram consideradas a quantidade mínima de 12 quadras cobertas, sendo uma delas (centralito) destinada a jogos de exibição e competições.

O volume edificado é assentado no terreno de forma minimizar o movimento de terras. A cota de assentamento do nível térreo permite que seja construído um estacionamento coberto sem necessidade de escavações adicionais. O edifício também incorpora processos industriais com baixo impacto ambiental como estrutura em madeira laminada colada e envolvente com painéis de policarbonato translúcido, reduzindo emissões de dióxido de carbono promovendo o aproveitamento da luz natural durante o dia.

O Clube de Padel de Oeiras pretende ser o mais moderno clube de Padel indoor de Portugal, com infraestrutura de nível profissional, seguindo as diretrizes estabelecidas pela FIP (Federação Internacional de Padel). O projeto procura a materialização de um edifício que respeitosamente se enquadre no seu contexto urbano e condicionantes ambientais do município, criando um volume simples e delicado que, que otimize aproveitamento da luz natural durante o dia e que contribua com a qualificação e segurança urbana durante a noite, emitindo uma luz suave que ilumina o seu entorno urbano imediato.

Ano: 2020
Local: Lisboa, Portugal
Área: 7.050 m2